Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/2445/44469
Title: Os processos de planificação territorial e transformações socioespaciais em Vitória da Conquista-BA
Author: Rocha, Altemar Amaral
Director: Martínez Rigol, Sergi
Keywords: Fragmentació territorial
Territorial fragmentation
Ordenació del territori
Ciutats
Regional planning
Cities and towns
Issue Date: 18-Jun-2013
Publisher: Universitat de Barcelona
Abstract: [por] Esta tese baseia-se na análise dos processos de planificação territorial tendo em vista as transformações socioespaciais ocorridas em Vitória da Conquista, com o objetivo de compreender a estrutura Urbana da cidade. Destaca-se a produção do espaço urbano e as relações socioespaciais como fio condutor da pesquisa. Foi Trabalhado o conceito de espaço geográfico do ponto de vista da epistemologia e da ontologia, pautado no conhecimento do território na gestão e planificação. Um conceito chave adotado foi o de produção do espaço e sua sistematização no pensamento geográfico, para compreender as transformações socioespaciais advindas do processo de urbanização, bem como as novas territorialidades resultantes desse processo. A metodologia da pesquisa baseia-se na articulação da epistemologia materialista e do pensamento critico com a questão urbana, que conduz ao estudo das relações socioespaciais. Associando-se o método cartográfico com o trabalho de campo, foram realizadas várias incursões de forma empírica no espaço urbano de Vitória da Conquista para detectar tais processos e transformações socioespaciais em curso na cidade, bem como questionar a participação dos atores que são responsáveis pelas transformações constatadas, destacando a participação do poder publico na criação de uma política urbana, permeada de leis e decretos que ordenam todo o movimento de transformação no espaço, além de tentar compreender como os agentes imobiliários e as incorporadoras interferiram e ainda interferem nesse processo de transformação socioespacial. Percebe-se que os processos de planificação territorial ocorridos em Vitória da Conquista-Ba são recorrentes desde a sua tenra idade no século XIX, com várias transformações espaciais ao longo do século XX; para o ordenamento dessas transformações, diversos planos setoriais foram implementados no período e ao lado desses, novas relações espaciais modelaram a cidade proporcionando uma morfologia urbana com estruturas e formas fragmentadas, mas sem perder a unidade urbana que define a cidade.
[eng] This thesis is based on the analysis of the territorial planning processes in view of the socio-spatial changes which have occurred in Vitória da Conquista, with the aim of understanding the urban structure of the city. The production of the urban space and the socio-spatial relations stand out as the guiding line of the research. The concept of geographical space was approached in terms of epistemology and ontology, based on the knowledge on territory in management and planning. An adopted key concept was that of production of space and its systematization in the geographical thought in order to understand the socio-spatial changes brought about by the urbanization process as well as the new territorialities resulting from this process. The research methodology is based on the articulation of materialist epistemology and of critical thinking with the urban issue, which leads to the study of sociospatial relations. By joining the cartographic method with field work, several incursions were empirically conducted into the urban space of Vitória da Conquista in order to detect such ongoing processes and socio-spatial changes in the city, as well as to question the involvement of actors who are responsible for the observed changes, by highlighting the participation of the public power in the creation of an urban policy, full with laws and decrees ordering every movement of change in space, as well as to try to understand how real estate agents and incorporators have interfered in this process of socio-spatial change. One notices that the processes of territorial planning which have occurred in Vitória da Conquista-Ba have been recurrent since their early age in the 19th century, with several spatial changes over the 20th century; for the ordering of these changes, various sectored plans were implemented in this period and beside them new spatial relationships shaped the city by providing an urban morphology with fragmented structures and forms, but without losing the urban unit which defines the city
URI: http://hdl.handle.net/2445/44469
Appears in Collections:Tesis Doctorals - Departament - Geografia Humana

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AAR_TESE.pdf15.09 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons